O que é Bulimia Nervosa

Bulimia, também chamado de bulimia nervosa é um disturbio alimentar.

O que é bulimia nervosa?

As Pessoas com bulimia comem uma grande quantidade de comida num curto espaço de tempo. Então para se livrarem do comida vomitam. É importante notar que a bulimia não necessariamente envolve vomitar. Tanto podem vomitar, como fazer exercícios em demasia, ou usar medicamentos como laxantes, o que importa para eles naquela aflição é livrarem-se da comida porque acham que comeram muito, ou que nem deviam ter tocado na comida.

Homem com bulimia a vomitar

As pessoas que têm bulimia podem ter compulsão alimentar, porque lhes dá uma sensação de conforto. Mas comer muito faz-nos sentir fora de controlo. Depois do frenesim, sentem vergonha, culpa e medo de ganhar peso. Isso faz com que utilizem métodos para ser livrarem da comida que ingeriram.

Sem tratamento, este ciclo de compulsão pode levar a graves problemas de saúde a longo prazo. O ácido do vómito na boca pode causar problemas nos dentes, doença gengival e perda de esmalte. Qualquer tipo destas técnicas pode levar à diluição dos ossos ( osteoporose ), danos nos rins, problema de coração, ou até mesmo a morte.

Quando você sofre de bulimia, a vida é uma batalha constante entre o desejo de perder peso ou ficar magra e a compulsão é dificil de combater. Você faz o seu melhor para manter os desejos longe. Você sabe que vai sentir nojo e vergonha, mas depois você não pode lutar contra o desejo. Tudo o que você pensa é em comida, e no final, você ja está a comer.

Você come o que lhe aparecer á frente compulsivamente até que você está tão cheia que você se sente como se estivesse prestes a explodir. Em seguida, o pânico de todas as calorias que você comeu aterrorizam-na de ganhar peso, então resta-lhe medidas drásticas para “desfazer” a sua compulsão, vómitos, jejuns ou exercícios para se livrar das calorias. E durante todo esse tempo, você se sente cada vez mais fora de controlo.


As três características principais da bulimia

  • Episódios regulares de fora de controlo
  • Comportamentos inadequados para evitar ganho de peso
  • Auto-estima excessivamente influenciado pelo peso e aparência física

A bulimia é estimado afectar entre 3% de todas as mulheres dos Estados Unidos em algum momento da sua vida. Cerca de 6% dos adolescentes, e 5% das jovens em idade de faculdade acredita-se que sofrem de bulimia. Estes números são um pouco menores do que as estimativas anteriores da prevalência de bulimia. Aproximadamente 10% dos pacientes bulímicos identificados são homens.

Os Bulímicos também são susceptíveis a outras compulsões e transtornos afectivos, ou vícios. Vinte a 40% das mulheres com bulimia também tem um histórico de problemas relacionados com drogas ou álcool, sugerindo que muitas mulheres afectadas podem ter dificuldades com o controle dos impulsos comportamentais.

Ao contrário de anoréxicos, os bulímicos sofrem de flutuações de peso significativas, mas a sua perda de peso geralmente não é tão grave ou óbvias como os anoréxicos. O prognóstico a longo prazo para os bulímicos é ligeiramente melhor do que para os anoréxicos, e a taxa de recuperação é considerada maior. No entanto, muitos bulímicos continuam a manter um pouco esses comportamentos alimentares anormais na dieta, mesmo após o período de recuperação.

O que acontece

  • A pessoa come.
  • Sente-se fora do controlo enquanto come.
  • Vomita, faz ma uso de laxantes, faz jejum e exercicio para se livrar das calorias.
  • Faz dieta quando não come come compulsivamente.
  • Acredita que as pessoas devem ser magras.
  • O peso pode ser normal ou quase normal, a menos que a anorexia esteja presente.
  • Depressão, vergonha, vazio.
  • Ansiedade, e insegurança.


Se você ou alguém que você conhece tem bulimia ou outro distúrbio alimentar, procure ajuda. Os distúrbios alimentares podem ser perigosos. E força de vontade não é suficiente para superá-los. O tratamento pode ajudar uma pessoa que tem um distúrbio alimentar a se sentir melhor e mais saudável.

Pretendemos ajudar quem precisa!

A nossa missão é ajudar as pessoas cujas vidas são afectadas por distúrbios alimentares. Para isso neste site apresentamos informação de auto-ajuda, bem como formas de ajudar o seu proximo, quer seja seu filho ou amigo. Se você sabe que alguem está ou possa estar a passar por desordens alimentares não ignore, faça algo. Divulgue este site de forma a melhorar a vida das pessoas com problemas alimentares!

Acompanhe-nos nas redes sociais!

Twitter | Facebook
Copyright © Disturbios Alimentares.